O que é xeroscaping?

Xeroscaping é o estilo de jardinagem mais adequado para climas secos. É um tipo de jardinagem que utiliza plantas altamente adaptadas a climas secos para reduzir o consumo de água para manutenção. Hoje vamos contar tudo sobre xeroscaping e quais plantas usar em um xerojardim.

O que é xeroscaping?

Xeroscaping ou xerojardinagem (“xero” do grego “xeros” que significa seco) é um estilo de jardinagem que se baseia no uso de plantas adaptadas a climas secos. O objetivo do xeroscaping é encontrar um equilíbrio entre o clima e as plantas. Ao contrário de muitos jardins que encontramos no nosso país, onde se procura um estilo de jardim com climas muito diferentes do que temos, o xeroscaping procura o oposto. Esses tipos de jardins de estilo francês-inglês usam muitas plantas com flores e plantas com uma demanda de água muito alta. Por outro lado, no xeroscaping buscam-se plantas suculentas, gramíneas secas e árvores resistentes, com solos que mantenham muito mais humidade. Esta combinação de plantas e solos de retenção de humidade permite regar até 4 vezes menos do que um jardim convencional.

Vantagens de um xerojardim

As vantagens de um xerojardim não terminam apenas na irrigação. Embora a água seja um ponto decisivo na hora de fazer um xerojardim em casa, também temos que ter em mente que graças ao xerojardim estaremos a fazer um jardim diferente e único. Usaremos plantas que poucas pessoas têm ou conhecem e, por isso, surpreenderão quem nos visitar. Poderemos incorporar plantas nativas da nossa área com plantas de outros países secos, pior com as mesmas características de irrigação. Podemos brincar com espaços com diferentes pisos. Por exemplo, coloque uma área de cascalho, outra com casca, outra com areia… desta forma vamos criar ambientes diferentes.

Se tem um jardim muito grande e não quer mudar tudo para um xerojardim, pode usar algum espaço no seu jardim e ter uma área de xeroscaping. Dará um contraste muito grande e assim poderá ver em primeira mão a diferença na irrigação de uma área do jardim para a outra.

Que plantas pode usar no xerscaping?

O número de plantas e árvores que podem ser utilizadas é muito grande porque no nosso clima já temos plantas que podemos considerar adequadas para xeroscaping. Muitas dessas plantas são nativas tanto das áreas costeiras do Mediterrâneo quanto do interior do sul da península.

Árvores

Ter árvores no nosso jardim é muito importante, pois ajudam a dar altura ao nosso jardim e também produzem sombras, o que nos permite criar áreas onde as plantas que precisam ou admitem sombra algumas horas do dia podem ir. Entre as árvores adequadas para um xerojardim, destacamos as seguintes:

  • Acácia
  • Árvore de Júpiter ou Lagerstroemia indica
  • Jujuba
  • Casuarina
  • Cipreste oU Cupressus sempervirens
  • Azinheira
  • Eucalipto
  • Figueira ou outro ficus
  • Juniperus chinensis e procumbens ‘Nana’
  • Baía
  • Oliveira
  • Ameixa vermelha ou Prunus pisardi
  • Pereira
  • Ailanthus altissima
  • Grevillea robusta
  • Cordyline Indivisa

Palmeiras

As palmeiras são plantas altas bem adaptadas a climas áridos e secos. É importante tratá-los para o gorgulho da palmeira, podemos destacar o seguinte:

Arbusto

Dentro da categoria de plantas, os arbustos ocupam esse espaço intermediário entre plantas e arbustos e árvores baixas. Existem alguns arbustos mais altos que praticamente podem ser confundidos com árvores. Deixamos-lhe alguns arbustos perfeitos para o seu xeroscaping:

  • Abélia 
  • Oleandro
  • Callistemo
  • Coprosma
    • Coprosma Pacific Night
    • Coprosma repens
  • Viburnum lucidum ou Durillo
  • Abrunheiro ou prunus spinosa
  • Lantânio
  • Mástique
  • Leptospermo o manuka
  • Murta
  • Nandina Domestica
  • Pittosporum heterophyllum variegata e Pittosporum Tobira
  • Vassoura ou cytisus
  • Grevillea lanigera 
  • Sálvia gregi
  • Strelitzia
  • Scallion
  • Teucrium fruticans

Trepadeiras

As trepadeiras são um tipo de planta que pode cobrir espaços altos. Assim como as plantas rasteiras e rasteiras, as trepadeiras permitem cobrir paredes, arcos ou pérgulas. Estes são perfeitos quando se trata de resistir ao calor extremo e à seca.

  • Bignonia 
  • Buganvílias
  • Hera
  • Plumbago 

Plantas rasteiras e sebes baixas

As plantas baixas ou rastreiras são essenciais para qualquer jardim porque são elementos muito visíveis. Portanto, eles são cruciais ao projetar o nosso jardim. As plantas que verá a seguir são uma seleção de plantas nativas e outras plantas estrangeiras. Da GermiGarden recomendamos o uso de plantas nativas justamente por serem mais adaptadas ao clima em que vivemos. Ainda, para dar Alguns detalhes ornamentais acreditamos ser bom usar uma planta que não seja nativa. Queremos lembrar que algumas dessas plantas estrangeiras podem ser invasoras nos nossos climas e também trazer doenças que afetam severamente a flora nativa do nosso país. Dito isso, passamos para uma lista de plantas para xeroscaping.

  • Asparagus falcatus
  • Centaurea Pulcherrima 
  • Cineraria Marítima ou Jacobaea maritima
  • Convolvulus cneorum
  • Curry ou caril
  • Dianella revoluta
  • Dimorfoteca o margarita africana
  • Euryop
  • Gazania repens
  • Alfacemas ou Lavandas
  • Panicum virgatum Sangria
  • Alecrim alto e rastejante
  • Russelia equisetiformis
  • Salvia azul ou Salvia farinacea
  • Santolina
  • Tomilho

Gramíneas ornamentais

As gramíneas ornamentais são plantas amplamente utilizadas para xerojardim. Eles são especialmente úteis como sebes baixas e também fornecem movimento e cores tanto verdes quanto castanhos.

  • Muhlenbergia capillaris
  • Carex
    • Carex comans 
    • Carex flagellifera
    • Carex Morrowii ice dance
    • Carex oshimensis evergold
    • Carex testacea
  • Festuca glauca 
  • Stipa tenuissima
  • Hakonechloa
  • Schizachyrium Standing ovation
  • Pennisetum
    • Pennisetum alopecuroides ‘Hameln’ 
    • Pennisetum fireworks 
    • Pennisetum Skyrocket
    • Pennisetum Summer Samba

Sucuelantas

Por fim, algumas das plantas mais típicas dos xeroscaping: as suculentas. Estas plantas, que se destacam pelas suas folhas largas e cheias de reserva de água, são perfeitas para o xeroscaping. São muito resistentes a altas temperaturas e também à seca. Podemos encontrar suculentas nativas, mas também, se quisermos ter uma planta mais exclusiva, podemos incorporar uma planta não nativa.

Que é o mulching e com que materiais podemos fazê-lo?

Outra parte fundamental do xeroscaping é o uso de técnicas para reter a humidade e, assim, reduzir os riscos. Mulching é um exemplo claro de técnicas de xeroscaping. A cobertura morta é uma técnica utilizada na jardinagem basicamente para reter a humidade do solo. Consiste em colocar um material em cima do nosso terreno, geralmente na área basal de plantas e árvores, ajudando a reter a humidade.

Materiais de cobertura

Dentro dos diferentes materiais para fazer a técnica de mulching existem orgânicos e inorgânicos.

Orgânicos são materiais que vêm da natureza, como pedaços de casca ou lascas de madeira, ou palha. Esses materiais podem quebrar com o tempo.

Os inorgânicos são aqueles materiais que não têm o carbono como base principal e, embora sejam provenientes da natureza, não são provenientes de organismos vivos. Destacamos todos os cascalhos, pedras, bem como pedras vulcânicas. Esses materiais proporcionam textura e cor, pois dependendo da sua composição podemos ter cores avermelhadas, castanhos, cinzas, brancas ou pretas.

Vantagens do mulching

As principais razões para usar esses materiais para mulching são:

  • Retém a humidade do substrato porque a luz não o afeta diretamente.
  • A erosão do solo é reduzida. Como há uma camada no topo do solo, tanto a chuva quanto o vento lava a cobertura morta antes do solo original.
  • Reduz o aparecimento de “ervas daninhas”. Como a luz não afeta, as sementes das ervas daninhas não podem germinar, portanto, não podem ser instaladas no nosso jardim.
  • Dão um toque estético ao espaço, podendo brincar com diferentes cores e texturas em cada uma das divisões que criamos no nosso jardim.
  • Se usarmos mulching orgânico como palha, casca ou madeira lascada, estaremos a adicionar matéria orgânica gradualmente, então os seus níveis aumentarão com o tempo.

E agora, o que espera para fazer o seu xerojardim? Esperamos que este blog de xeroscaping tenha ajudado você a obter ideias para sua próxima mudança no seu jardim. Poderá encontrar muitos dos produtos deste artigo na nossa loja. Se tiver alguma dúvida sobre jardinagem “xero” ou convencional, contacte-nos e os nossos técnicos irão aconselhá-lo.

Tienda GermiGarden

Tu lugar para comprar plantas, semillas, bulbos y productos para el mundo vegetal. Una oferta integral para tu terraza, huerto o jardín.

GermiBox

Tu caja sorpresa de plantas y accesorios de jardinería

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

GermiBox

Tu caja sorpresa de plantas y accesorios de jardinería

Como cuidar das plantas nas férias?

Ya ha llegado junio, los niños están a punto de terminar las clases y es la mejor época para irse de vacaciones en...

Cactos: as nossas espécies favoritas de cactos

Como dissemos no artigo sobre cuidados com cactos e suculentas, os cactos são uma família muito grande no grupo de...

O minicipreste e outras coníferas em miniatura

As miniplantas estão na moda. No Natal as coníferas fazem parte da decoração e principalmente graças a essa tendência...

Greener, potes feitos de plástico reciclado

Como todos sabem, há uma crise muito mais importante do que a Covid-19 que não pode ser vista. Esta crise é uma crise...

Dicas para o cuidado do goivo: uma planta para o início da primavera

Nas plantas perfeitas para o início da primavera destacamos o goivo. É uma planta ideal para vasos e jardins devido ao...

Plantas sazonais para plantar no início do outono

O outono começa e com ele a estação das plantas de outono e inverno. Esta época de cores laranja e castanho se destaca...

Cuidados básicos e manutenção de bonsai

Um bonsai não é uma planta difícil de cuidar. Você só precisa ter alguns conceitos claros sobre jardinagem e cuidados...

Manjericão: cuidado e outros manjericões

La albahaca, también conocida como basílico, sobre todo por su nombre en italiano y su nombre en latín Ocimum...

As melhores plantas aromáticas para cozinhar e infundir

Caso não saiba, no GermmiGarden também somos amantes da cozinha e da gastronomia. A utilização de ervas aromáticas nos...

Saintpaulia: cuidado desta planta de interior

La violeta africana o saintpaulia es una planta de interior con flor de la familia Gesneriaceae. Esta familia se...

Tienda GermiGarden

Tu lugar para comprar plantas, semillas, bulbos y productos para el mundo vegetal. Una oferta integral para tu terraza, huerto o jardín.

Messem, uma planta resistente

Messem, uma planta resistente

Se quer uma planta com flor resistente ao calor e ao frio e resistente à seca, uma opção ótima é messem. As altas temperaturas dos verões matam muitas plantas sazonais que não suportam o calor. Os mesems resistem às altas temperaturas do verão, mas, além disso, também...

Oliveiras de última geração.

Oliveiras de última geração.

No blog de hoje contaremos os benefícios de plantar oliveiras em sebe. Se está a pensar plantar olivais, seja você um grande consumidor, um indivíduo ou um pequeno aquarista que cultiva pomares ou jardins familiares, este é o seu produto estrela. Apresentamos a seguir as oliveiras de última...

O que é mulching e que materiais usar?

O que é mulching e que materiais usar?

Uma parte fundamental do xeriscape é o uso de técnicas para reter a humidade e, assim, reduzir os riscos. Mulching é um exemplo claro de técnicas de xeriscape. Mulching é uma técnica de cobertura do solo usada na jardinagem basicamente para reter a humidade do solo. Consiste em colocar um material...

Messem, uma planta resistente

Messem, uma planta resistente

Se quer uma planta com flor resistente ao calor e ao frio e resistente à seca, uma opção ótima é messem. As altas temperaturas dos verões matam muitas plantas sazonais que não suportam o calor. Os mesems resistem às altas temperaturas do verão, mas, além disso, também resistem ao frio do inverno e...